1968 – Prudêncio, o Professor
Aos 24 anos, durante as Olimpíadas na Cidade do México, Nelson Prudêncio protagonizou um dos momentos mais belos do atletismo mundial. Foi na luta pela medalha de ouro, quando ele, o soviético Saneyeve e o italiano Gentili, chegaram a quebrar o recorde mundial nove vezes em apenas quatro horas. Prudêncio alcançou a marca de 17,27 metros e ficou com a medalha de prata.
  
 
 
Endereço
Rua Tutóia, 324 - Cj 1 
Paraíso - São Paulo 
04007-001 - SP 
(0XX11)2305 6094